Conheça e compare os tipos de gramas mais conhecidos no Brasil:



Grama Tipo São Carlos (Axonopus Compressus) - Características:

Possui folhas grandes e lisas, cor verde intenso, se desenvolve tanto no sol, como em locais semi-sombreados. Seu crescimento vertical é intenso e forma gramados compactos. Ideal para climas quentes e frios, se desenvolve de forma acentuada no verão. Em épocas de estiagem a grama São Carlos requer mais irrigação; o motivo é porque suas raízes são muito curtas. Suas folhas devem ser aparadas sempre que a altura ultrapassar 2 ou 3 cm, caso contrário, pode chegar a 20 centímetros de altura. Intervalo de podas aprox. a cada 20 dias. Leia mais informações sobre Grama São Carlos.


Grama Tipo Esmeralda (Zoysia Japonica) - Características:

Essa grama é uma das mais utilizadas para plantar em jardim de empresas e residências como, beira de piscinas, casas de campo e praia. Tudo isso graças a sua fácil adaptação a diversos tipos de ambientes. A grama Esmeralda possui folhas estreitas, sua cor é verde esmeralda. Se desenvolve muito bem em climas quentes, possui ótima resistência ao pisoteio, porem é pouco resistente geada. Essa grama possui grande quantidade de raízes, por isso é muito recomendada para plantio de contenção de erosão em taludes e encostas. A esmeralda é uma variedade que não cresce muito e dá pouca manutenção. Para manter a coloração intensa é preciso adubar freqüentemente. Intervalo de podas aprox. 30 a 40 dias. Leia mais informações sobre grama Esmeralda.


Grama Tipo Batatais (Paspalum Notatum Fluegge):
Em alguns estados também conhecida como Grama Mato Grosso, Grama de égua ou gramão.

Essa variedade possui folhas de largura média, cor verde escuro, geralmente duras e pilosas. Resiste bem as secas e ao pisoteio, forma gramado denso e é muito utilizada para evitar a erosão de solo em beira de rodovias, nas represas e açudes. A grama batatais é muito bem recomendada para o plantio em haras; porque alem de resistir bem ao pisoteio, também serve como pastagem. Apesar de ser muito resistente a Batatais precisa de muito sol, pois não resiste à sombra. Seu crescimento natural pode chegar a 30 cm de altura. Deve ser aparada, sempre que ultrapassar 3 cm. Leia mais informações sobre grama Batatais.


Grama Bermuda ou Bermudas (Cynodom Dactylum) também conhecida como grama seda. Cuidados com grama Bermudas:

Essa variedade é caracterizada por ter folhas estreitas de crescimento rápido e cor verde vivo. Apesar de ser muito macia, regenera-se rapidamente quando submetida a pisoteio. Deve ser aparada sempre que a altura for superior a 2 cm. Para mantê-la sempre saudável é necessário fazer suplementação de nutrientes e matéria orgânica aprox. três vezes ao ano.

A grama Bermudas é indicada para plantar em campo de futebol oficial, onde o pisoteio é mais intenso.

Este tipo de grama tem alto poder de regeneração, ótima resistência ao pisoteio e a ervas naninhas. Ideal para plantio em playgrounds e campos esportivos como, pólo, golfe, etc.


Grama Santo Agostinho (Stenotaphrum Secundatum) Originária da América do Sul, também conhecida como grama Inglesa.

Características: Grama rizomatosa, forma tapetes densos com folhas lisas de coloração verde escura. Pode ser plantada em áreas de sol pleno, ou à meia sombra.
Indicações principais: A grama Santo Agostinho é indicada para plantar em jardim residencial, industrial, praças públicas, entre outros.

Tipos de Plantio: Como plantar Grama Santo Agostinho:

1- Pelo modo convencional, ou seja, por meio da instalação direta dos tapetes já adultos. Obs. Esta é a maneira mais rápida, pratica e confiável de confeccionar um gramado.
2- Por plantio de sementes,  que no caso o resultado dependerá da combinação de diversos fatores como, clima favorável, condições de solo, irrigação, entre outros.
3- Pela divisão dos rizomas, que consiste em desfragmentar o tapete da grama já adulta, fazer as mudas e plantar em pequenas covas alinhadas.
Obs. Esse tipo de plantio requer solo fértil e vários meses de irrigação.

Grama Preta (Ophiopogon japonicus) - Características:

Também conhecida como grama Japonesa, caracterizada por folhas lineares, finas, verde-escuras e recurvadas. Não necessita de corte, porém seu cultivo deve ser feito em terra enriquecida com húmus, de boa drenagem e irrigada freqüentemente. Bastante utilizada em área de sombra, indicada para bordadura e forração.

Gostou desta página? Curta, recomende no Twitter.
   Redes Sociais  Gramas Nobre grama natural no Google+   Curta Gramas Nobre no Facebook   Siga Gramas Nobre no Twitter   Assine o Feed Gramas Nobre Grama Natural - RSS

Tipos de grama para jardimTipos de Grama natural